Share |

PJ investiga negócio da Confiança

A Polícia Judiciária está a investigar o negócio da compra das antigas instalações da Fábrica Confiança, anunciou o Diário do Minho. Na origem desta investigação está a queixa apresentada pelos deputados municipais de Braga do Bloco de Esquerda, ao Ministério Público junto do Tribunal de Contas, há cerca de um ano.

Na exposição apresentada, os deputados bloquistas apresentavam uma avaliação do imóvel, elaborada pelo antigo perito do Tribunal e ex-vereador da Câmara de Braga, Casais Batista, que ficava muito aquém dos valores apresentados pela Câmara de Braga.

De acordo com o Diário do Minho a Polícia Judiciária já terá ouvido vários intervenientes ligados ao processo.