Share |

Bloco defende construção urgente de nova ETAR em Braga

O Bloco de Esquerda esteve reunido com a administração da AGERE, em Braga, para analisar questões relacionadas com o tratamento de águas residuais no concelho de Braga.
No final do encontro, Alexandra Vieira, deputada eleita pelo circulo eleitoral de Braga, disse que o encontro permitiu constatar a necessidade já identificada de construção de uma nova ETAR no concelho, de forma a não sobrecarregar a ETAR de Frossos.
A deputada bloquista esclareceu que, de acordo com as informações prestadas pela AGERE, a ETAR de Frossos está dimensionada para o tratamento de efluentes de 230 mil habitantes equivalentes e que está a tratar de 300 mil habitantes equivalentes. Para a deputada, “esta informação revela a urgência da construção de uma nova ETAR, de forma a assegurar o correto tratamento das águas residuais do concelho, evitando descargas que poluem o Rio Cávado”.
Alexandra Vieira esclarece ainda que “o projeto está preparado, já foi feito o estudo de impacte ambiental e a Agência Portuguesa do Ambiente catalogou o investimento como prioritário”. “Percebemos, no entanto, que a nova construção está orçada em 20 milhões de euros e está dependente da atribuição de fundos comunitários e que, neste momento, o Governo não disponibiliza verbas para este fim, apenas há avisos para a reutilização da água”, acrescentou.
“O Bloco de Esquerda irá questionar, por isso, o Governo sobre a possibilidade de reprogramar os fundos comunitários ainda disponíveis, para que a nova ETAR possa ser construída o mais breve possível”, concluiu.